Recursos Humanos em Saúde

  • Laboratório de Recursos Humanos em Saúde

Relatório 30 anos de SUS, que SUS para 2030?
A comemoração dos 30 anos do Sistema Único de Saúde (SUS) é uma oportunidade para a reflexão da agenda nacional da área de Trabalho e Educação em Saúde, articulada com o movimento internacional para atingir a meta de Saúde Universal. Tal é o objeto do presente neste documento, no qual se reflete sobre as políticas, programas e ações da área, identificando os avanços e os desafios que convergem para a defesa do direito universal à saúde no Brasil e a sustentabilidade do SUS.
Leia mais..

Seminários
10 de outubro de 2018

 

11 de outubro de 2018

 

22 de outubro de 2018

 

26 de novembrode 2018

 

29 de novembrode 2018

 

30 de abril de 2019

 

03 de junho de 2019

 

02 a 04 de setembro de 2019

 

Práticas exitosas

 

Os cidadãos da Andaluzia, maior comunidade autônoma da Espanha, possuem mais de uma via de acesso ao serviço público de saúde. Quando precisam de atendimento, as pessoas podem escolher entre a tradicional consulta médica e a consulta com seu enfermeiro de referência. Os profissionais de enfermagem vêm ampliando suas atribuições, como uma forma de dar resposta às transformações no perfil demográfico, epidemiológico e cultural da população.
A ampliação das competências dos enfermeiros iniciou pela Atenção Primária, que desempenha um papel estratégico no Serviço Andaluz de Saúde. Antes de ser a porta de entrada, o primeiro nível atua como ordenador de todo o sistema, que opera de maneira integrada.
Diante deste propósito de integração, os profissionais da enfermagem figuram como atores fundamentais para acompanhar o cidadão dentro do sistema. Os pacientes considerados complexos, como doentes crônicos, contam com um enfermeiro gestor de casos, que providencia o que é necessário para que o atendimento seja continuado, sem fragmentações, ainda que a pessoa transite por diferentes níveis de atenção.Leia mais..

 

A implantação de um novo Protocolo de Enfermagem na Saúde da Criança é uma das estratégias do município de Porto Alegre para ampliar o acesso dos cidadãos aos serviços da Atenção Primária à Saúde. O documento, que deve vigorar ainda este ano, é uma reformulação do Protocolo Geral de Enfermagem – em vigor desde 2002 no município – que se tornou defasado diante da realidade dos serviços de saúde.
Além de um protocolo para condutas em relação à saúde da criança, o Município está implantando outros protocolos por ciclo de vida dos cidadãos, como um protocolo específico para a saúde da mulher. A iniciativa visa a atualizar as práticas de enfermagem, conforme os últimos avanços disponíveis na literatura científica. Sobretudo, a reformulação atende às normas do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen), que exige protocolos municipais ou institucionais que validem algumas práticas dos enfermeiros, como a prescrição de medicamentos e solicitação de exames, por exemplo.Leia mais..
Laboratórios de Inovação

...

...

Vídeos

Parceiros
Observatório Regional de Recursos Humanos em Saúde
Portal de Gestão de Conhecimento de Recursos Humanos em Saúde


Choose Your Style