Gestão do Trabalho

A iniciativa do Laboratório de Inovação da Gestão do Trabalho une-se à experiência do prêmio INOVASUS inspirado na necessidade da valorização de práticas inovadoras em Gestão do Trabalho na Saúde. A ideia é envolver o conjunto de trabalhadores do SUS, representados nas respectivas Secretarias de Saúde Estaduais, Municipais e do Distrito Federal; Consórcios e Fundações Públicas, e busca atender os critérios de inovação, multiplicação, correlação e incorporação.  A escolha das experiências pelo Departamento de Gestão e Regulação do Trabalho na Saúde do Ministério da Saúde (DEGERTS/SGTES/MS)  teve como referência básica sua premiação no INOVASUS, buscando, porém, o foco em temas considerados mais candentes ou desafiadores. A opção por um número restrito de experiências (oito) se deu por questões de viabilidade financeira. Para a primeira fase do Laboratório de Inovação da Gestão do Trabalho prevê-se o acompanhamento de cinco experiências: Implantação do Plano de Cargos, Carreira e Vencimentos dos Profissionais de Saúde do Município de Vitória (ES); Implantação do Plano de Cargo e Carreira Estadual do SUS em Mato Grosso; Implantação do Plano de Empregos, Carreiras e Salários na Fundação Estatal Saúde da Família da Bahia – FESFSUS; Mesa Municipal de Negociação Permanente do SUS e a Efetivação da Política de Gestão do Trabalho no Município de Betim (MG) e Avaliação de Desempenho: Um Instrumento de Gestão e Democratização nas Relações de Trabalho, Curitiba (PR). Na segunda fase do Laboratório de Inovação incluiu as experiências de Incentivo Financeiro do PMAQ/AB às equipes das Unidades Básicas de Saúde – Guarulhos – SP; Política de desprecarização dos vínculos de trabalho de Agentes Comunitários de Saúde (ACS) do Estado da Bahia; e Dimensionamento de Recursos Humanos na Atenção Básica – Campinas – SP.

Experiências

​Incentivo Financeiro do PMAQ/AB às equipes das Unidades Básicas de Saúde – Guarulhos/SP

27/01/2016

Em Guarulhos foi implantado o PMAQ/AB com objetivo de ampliação do acesso e da melhoria da qualidade da atenção básica, com “contratualização” de 44 equipes de saúde da família e concessão de um incentivo financeiro por empenho e dedicação aos serviços.

Leia mais

Política de desprecarização dos vínculos de trabalho de Agentes Comunitários de Saúde (ACS) do Estado da Bahia

27/01/2016

A Política de Desprecarização dos Vínculos de Trabalho de ACS tem como princípios, além da ampliação do conceito de saúde, a mudança do modelo de atenção à saúde, bem como a promoção de uma relação privilegiada das equipes de saúde com as comunidades.

Leia mais

Dimensionamento de Recursos Humanos na Atenção Básica – Campinas/SP

27/01/2016

Na experiência da SMS Campinas, o dimensionamento da força de trabalho foi compreendido como uma ferramenta capaz de identificar, analisar e qualificar a força de trabalho necessária para atender às demandas do Sistema Único de Saúde.

Leia mais

Avaliação de Desempenho e Remuneração Variável no contexto de gestão por resultados na Secretaria Municipal de Saúde de Curitiba/PR

21/03/2014

A experiência da Secretaria Municipal de Curitiba tem como objetivo instituir instrumentos e estratégias de gestão apoiando-se em quatro eixos: Construção e Pactuação de Indicadores; Contrato de Gestão; Sistema de Monitoramento e Avaliação de Desempenho; e, Remuneração Variável.

Leia mais

Mesa Municipal de Negociação Permanente do SUS e Efetivação da Política de Gestão do Trabalho no Município de Betim/MG

21/03/2014

A Mesa Municipal de Negociação do SUS Betim, de caráter paritário e permanente, foi instituída com o objetivo de estabelecer um fórum de negociação entre representantes da gestão e dos trabalhadores, debatendo questões relativas à política de gestão do trabalho e à saúde da população.

Leia mais

Implantação do Plano de Empregos, Carreiras e Salários na Fundação Estatal Saúde da Família da Bahia – FESFSUS

21/03/2014

A experiência da Fundação Estatal Saúde da Família na construção do seu Plano de Empregos, Carreiras e Salários desde um entendimento da concepção inicial da proposta, até uma avaliação do estágio atual, onde são descritos os avanços, desafios, lições aprendidas e perspectivas.

Leia mais

Implantação do Plano de Cargo e Carreira Estadual do Sistema Único de Saúde em Mato Grosso

21/03/2014

A Experiência do Estado do Mato Grosso na construção de seu PCCS, desde uma descrição do processo de construção do plano, concretizado por intermédio da lei 441 de carreira única, até critérios para avaliação de desempenho, progressão, formação e qualificação profissional, entre outros.

Leia mais

Implantação do Plano de Cargos, Carreira e Vencimentos dos Profissionais de Saúde do Município de Vitória/ES

21/03/2014

A experiência dos profissionais de saúde da SMS de Vitória na construção do Plano de Cargos Carreiras e Vencimentos e sua estratégia de estímulo ao desempenho profissional, valorização do conhecimento e da competência dos funcionários, bem como de seu empenho e desempenho.

Leia mais