APSREDES

Projeto “Se Liga Aí”

“#Se Liga Aí” é uma ação voltada à formação de adolescentes e jovens, proporcionando à juventude acreana a discussão sobre temas ligados à Saúde Sexual e Saúde Reprodutiva, Direitos Reprodutivos, Infecções Sexualmente Transmissíveis, Equidades de Gênero, Álcool e Outras Drogas, Violências e Violência Sexual e Raça e Etnia. A ação se baseia na metodologia de educação entre pares, no campo do protagonismo juvenil. A Secretaria Estadual de Saúde do Acre (SES/AC) desenvolveu a ação a partir de projeto piloto, que teve lugar no município de Xapuri em 2014, e em 2015 foi ampliada para 10 municípios.

A ação partiu da gestão pública do Acre, que identificou ser preciso qualificar as políticas públicas ofertadas para a juventude sobre as temáticas acima mencionadas. Esse entendimento resultou, por um lado, de aprendizado com experiências de implementação de ações de saúde nas escolas envolvendo equipes intersetoriais. Por outro lado, tinha-se presente – o que ainda é relevante– os índices de gravidez na adolescência no estado. Segundo dados do Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (SINASC), os casos de gravidez de adolescentes de 10 a 19 anos no Acre correspondiam a 27,5% em 2006 e 26,4% em 2016.

Considerando que a ausência de informação é um dos fatores que contribui para a gravidez não planejada e a incidência de infecções sexualmente transmissíveis entre adolescentes e jovens, o objetivo do “#Se Liga Aí” é fazer com que esse grupo populacional tenha mais acesso a informações relevantes sobre essas temáticas. Para alcançar o objetivo proposto, a equipe técnica da SES/AC realizou capacitações para adolescentes e jovens utilizando materiais do Ministério da Saúde e da SES/AC e metodologias participativas. A certificação do curso foi de 40 horas de aulas presenciais.

A identificação dos adolescentes e jovens para fazerem o curso foi feita pelos técnicos do “#Se Liga Aí”, por meio de conversas com a direção de escolas públicas de cada Município do Estado do Acre, identificando os potenciais Jovens Multiplicadores. Esses adolescentes e jovens foram selecionados por gostarem de trabalho voluntário e apresentarem potencial para desenvolver habilidades de comunicação, e por possuírem algum tipo de liderança entre a comunidade escolar.

A capacitação oferecida abordou desde as formas de prevenção às IST’S e ao uso de drogas e álcool, bem como a metodologia participativa e estratégias de abordagens inovadoras para uma comunicação efetiva.

Além de adolescentes e jovens, o projeto também capacitou profissionais ligados à saúde, educação e assistência social. Esses profissionais orientaram e monitoraram as ações executadas. Os Jovens Multiplicadores foram os protagonistas das ações, mas contaram com a ajuda desses profissionais para o esclarecimento de dúvidas sobre os assuntos abordados e também para o planejamento das ações que aconteceram dentro e fora das escolas.

Os Jovens Multiplicadores foram protagonistas de suas próprias histórias, atuando no município onde residem. As ações que executaram foram realizadas dentro e fora das escolas, nas regiões ribeirinhas e de difícil acesso, levando informação a grande parte dos jovens de seu território. Os Multiplicadores que fazem parte do projeto contam com a ajuda de toda a Rede de Saúde, além do CRAS, CREAS, Assistência Social, Conselho Tutelar, Programa Saúde na Escola, Educação. Esse auxílio vai desde questões logísticas até intervenções quando se identificam casos que necessitam de acompanhamento profissional, como, por exemplo, violência sexual e ideação suicida.

O objetivo do projeto foi, também, promover uma inovação na maneira como o contato com os adolescentes e jovens seria estabelecido, buscando substituir as tradicionais palestras verticais pela educação entre pares. Estimularam-se, assim, atividades que priorizavam o uso da linguagem própria da juventude, o uso da tecnologia, rodas de conversas informais e até conversas individuais em que adolescentes e jovens conversam entre si e se sentiam mais confortáveis para compartilhar um problema, experiências, e responder às dúvidas sobre os temas abordados.

Após as capacitações dos primeiros adolescentes, jovens e profissionais, foi criado um grupo no WhatsApp, que permanece ativo, para que os profissionais e a Equipe da Secretaria de Saúde tivessem contato direto com os Multiplicadores. Esse grupo proporciona a troca de ideias e informações a respeito das ações desenvolvidas, compartilhando relatos sobre as rodas de conversa e bate papo, permitindo o acompanhamento das ações desenvolvidas nos territórios, e estimulando um ambiente de troca e de construção coletiva da ação.

Desde a implantação do “#Se Liga Aí”, já foram capacitados mais de 300 Jovens Multiplicadores em 11 dos 22 municípios do estado do Acre.  A ação tem se constituído em um instrumento importante para conscientização da juventude acreana, com alguns resultados que parecem indicar a eficácia das ações realizadas. Agências internacionais, tais como UNFPA e UNICEF realizaram visitas para conhecer in loco a experiência. Ademais, a repercussão da ação alcançou até mesmo os meios de comunicação tendo sido objeto de participação nos programas televisivos “Profissão Repórter” e “Amor & Sexo’. Em 2018, foi realizada também a “1º Mostra Estadual do #Se Liga Aí”.

Entende-se que ações que visam à diminuição dos índices de gravidez na adolescência, da prevenção de infecções sexualmente transmissíveis e dos prejuízos na saúde causados pelo uso de álcool e drogas devem ser continuadas e permanentemente aperfeiçoadas, uma vez que resultados concretos e duradouros nessa área são melhor verificados a médio e longo prazo, considerando-se ainda as questões relacionadas às vulnerabilidades produzidas pelo contexto social onde vivem e as desigualdades que determinam os direitos e as fr-meds desses adolescentes e desses jovens acreanos.

Dessa maneira, a Secretaria Estadual de Saúde do Acre tem como meta o fortalecimento do “#Se Liga Aí” para aumentar sua abrangência e levá-lo a todos os municípios do estado.

Planeja-se, nos próximos anos, capacitar mais 500 Jovens Multiplicadores, buscando ampliar e aperfeiçoar a formação oferecida, possibilitando o fortalecimento de uma juventude consciente e ativa na promoção integral à saúde do seu território, na construção da cidadania e na busca de uma sociedade mais justa.

No “#Se Liga Aí, os próprios adolescentes e jovens trazem suas “vozes” para complementar a importância da participação na ação em suas vidas.

 

“O “#Se Liga Aí” dá espaço ao público jovem que está disposto a realizar ações para ajudar outros jovens e adolescentes – e até adultos! No projeto temos essa dinamicidade de quebrar o clima de palestra. Realizamos ações e brincamos ao mesmo tempo.”

Ediney Durans, Jovem Multiplicador do Município de Brasiléia – AC.

 

“Com o projeto, consegui me abrir mais para o mundo, entender mais as questões dos outros e as minhas também. Descobri que palestrar é muito bom, mesmo eu morrendo de vergonha. Os meus amigos me procuram para saber questões que o projeto “Se Liga Aí” me ensinou. É demais poder passar o conhecimento adiante!”

Milena Jovem Multiplicadora do Município de Cruzeiro do Sul – AC.

 

“O projeto me ajudou muito a me comunicar. Melhorei muito minha forma de dialogar com um grande número de pessoas.”

Kaline Jovem Multiplicadora do Município de Mâncio Lima – AC.

Esta gostando do conteúdo? Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram