Projeto Barriguda, do Instituto Santos Dumont, do Rio Grande do Norte

Capoeiras, no município de Macaíba, é a maior comunidade quilombola do Rio Grande do Norte. Inclui aproximadamente 300 famílias com acesso limitado aos cuidados adequados à saúde. Com a estratégia da pesquisa-ação foi implantada, nessa comunidade, uma estratégia interprofissional de cuidado na atenção pré-natal que busca atender às necessidades identificadas para essa população específica, respeitando os valores, conhecimentos, saberes e cultura local. Com a participação de estudantes de Medicina, atuando em equipe multiprofissional (médico, enfermeira, fisioterapeuta, psicóloga e assistente social), os atendimentos são realizados semanalmente e precedidos por atividades de educação interprofissional em saúde que empregam tecnologias leves e valorizam o resgate histórico e cultural quilombola. Nomeado pelas próprias gestantes, o Barriguda faz referência à forma como a comunidade se refere ao Baobá, árvore de origem africana e reverenciada como símbolo de saúde, força, sabedoria, vida longa e beleza, além de representar a localização dos antigos quilombos no Brasil.

Recommend to friends
  • gplus
  • pinterest