APSREDES

OPAS Brasil premia experiências da APS Forte no Congresso do Conasems

WhatsApp Image 2022-07-14 at 13.21.39 (1)

A representação da Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) no Brasil premiou três das 15 experiências apresentadas na temática Atenção Básica da 17ª Mostra “Brasil, aqui tem SUS”, realizada durante o XXXVI Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, do Conasems, em Campo Grande. Com o tema “Atenção Primária Forte: Caminho para a Saúde Universal”, a 3a edição do Prêmio contemplou experiências de Santo André/SP, Mâncio Lima/AC e Laranjal do Jari/AP.

“O Prêmio APS Forte busca jogar luz no acesso e na equidade. As experiências vencedoras voltam-se para o cuidado à saúde de populações em situação de vulnerabilidade, como gestantes em situação de rua, comunidades ribeirinhas e usuários com condições crônicas em período de enchentes. Sem o SUS e uma APS Forte essas pessoas seguiriam à margem, estariam perdidas no território, sem acesso a um cuidado integral”, ressalta o oficial da OPAS Brasil, Fernando Leles. Na cerimônia, a representante da OPAS/OMS Brasil, Socorro Gross, entregou ao presidente do Conasems, Wilames Freire Bezerra, uma placa comemorativa do aniversário de 120 anos da organização.

A Comissão de Avaliação das experiências da 3ª edição do Prêmio “Atenção Primária Forte: Caminho para a Saúde Universal” foi conformada pelas representantes do Conasems (Marcela Alvarenga e Joselisses Abel) e da OPAS Brasil (Fernando Leles e Iasmine Ventura). Além das três experiências premiadas, foi entregue uma menção honrosa para a experiência de Suzano/SP

Como reconhecimento ao trabalho apresentado, os autores da experiência “Reduzindo danos e protegendo vidas – cuidado às gestantes em situação de rua, usuários de sPA”, desenvolvida no município de Santo André/SP, vão participar de viagem de estudo para conhecer uma experiência internacional de organização da rede de atenção à saúde centrada na Atenção Primária, a ser indicada pela OPAS/OMS, proporcionada pela inciativa APS Forte no SUS (LINK). As duas experiências na sequência de maior pontuação receberam certificados, assim como, a da menção honrosa.

São eles:

1º lugar – Reduzindo danos e protegendo vidas – cuidado às gestantes em situação de rua, usuários de sPA – Santo André -SP – Autores: Antonio Rinaldo Pagni, Carla Leonel Rocato, Deborah de Oliveira Mancuso, José Félix de Oliveira, Maria do Carmo do Nascimento Dias e Maureen de Alencar Filone.

vídeo – https://www.youtube.com/watch?v=heGnAptAowo

Saiba mais sobre a experiência de Santo André/SP – https://web.santoandre.sp.gov.br/portal/noticias/0/3/15066/santo-andre-recebe-premio-nacional-por-trabalho-com-gestantes-em-situacao-de-rua

http://blogdobaena.com.br/santo-andre-recebe-premio-nacional-por-trabalho-com-gestantes-em-situacao-de-rua/

 

2º lugar – Saúde itinerante de Mâncio Lima – levando saúde às comunidades rurais ribeirinhas – Mâncio Lima -AC Autores: Cris Marrone Leite de Oliveira, Alderly Costa Souza, Abraão do Amaral Pinheiro e Erlan Ferreira de Araújo.

 

3ºlugar – Cuidado de pessoas com doenças crônicas e de grávidas em período de enchentes – Laranjal do Jari-AP– Autoras: Gabriela Pagno Nascimento e Regiane Cardozo Souza.

 

Menção honrosa
Suzano/SP: Violência na atenção básica: a classificação de risco como apoio ao monitoramento do cuidado em rede – Autora: Magna Barboza

Além da 3ª edição do Prêmio “Atenção Primária Forte: Caminho para a Saúde Universal” da OPAS Brasil, o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) uniram-se ao CONASEMS para ampliar a valorização das ações desenvolvidas nos municípios, através de prêmios específicos. Ao todo foram entregues 63 premiações, o que gerou muita comemoração entre os presentes.

A coordenadora da Mostra “Brasil, aqui tem SUS”, Márcia Pinheiro, destacou o propósito maior do evento, que é incentivar que os trabalhadores e trabalhadoras contem sobre sua atuação e troquem experiências. “A Mostra é um espaço de compartilhamento, mais do que de competição. Portanto, as premiações têm um papel de estímulo”, ressaltou.

Como tradicionalmente acontece, os trabalhos de maior destaque por estado serão reconhecidos com a elaboração de um documentário do Projeto “Webdoc Brasil, aqui tem SUS”. Na solenidade, os autores receberam Certificados de Premiação.

Clique aqui e confira as apresentações realizadas durante os seminários e oficinas disponibilizadas até o momento

Saiba mais – https://www.conasems.org.br/mais-de-50-municipios-recebem-premiacoes-na-17a-mostra-brasil-aqui-tem-sus/

Com informações da Ascom/Conasems.

Esta gostando do conteúdo? Compartilhe

Laboratório de Inovação em Política Nacional de Saúde Bucal

Inscrições abertas para o Laboratório de Inovação em Política Nacional de Saúde Bucal
Brasil Sorridente até 07 de agosto