APSREDES

Las condiciones crónicas en la Atención Primaria de la Salud: la necesidad imperiosa de consolidar la Estrategia de Salud de la Familia

Está disponible en español, el libro Las condiciones crónicas en la Atención Primaria de la Salud: la necesidad imperiosa de consolidar la Estrategia de Salud de la Familia (en portugués – As condições crônicas na Atenção Primária à Saúde – APS: o imperativo da consolidação da Estratégia da Saúde da Família), escrito por Eugênio  Vilaca , así como el resumen ejecutivo de la obra. La iniciativa es parte de las actividades del Laboratorio de Innovación – La atención de las condiciones crónicas en la Atención Primaria a Salud, coordinados por la OPS Brasil y Conass.

Así como en la versión original en portugués, el libro es una contribución a salud pública para mejorar el debate sobre el rol de la Atención Primaria en la atención de las condiciones crónicas. La publicación está organizada en  ocho capítulos, se ocupa de la crisis del sistema de salud, de la importancia de las Redes Integradas de Servicios de Salud, describe la evolución de la atención primaria, presenta evidencia del éxito del Programa de Salud de la Familia (PSF) en Brasil y subraya la necesidad de avanzar hacia la aplicación de la gestión de las enfermedades crónicas en la Atención Primaria en Salud.

Ingresse a los siguientes links:

Las condiciones crónicas en la Atención Primaria de la Salud: la necesidad imperiosa de consolidar la Estrategia de Salud de la FamiliaResumo Executivo

Resumen Ejecutivo

Está disponível, em espanhol, o livro Las condiciones crónicas en la Atención Primaria de la Salud: la necesidad imperiosa de consolidar la Estrategia de Salud de la Familia (As condições crônicas na Atenção Primária à Saúde – APS: o imperativo da consolidação da Estratégia da Saúde da Família), de autoria do sanitarista Eugênio Vilaça, assim como o resumo executivo da obra. A iniciativa faz parte das atividades do Laboratório de Inovações – Atenção às Condições Crônicas na Atenção Primária em Saúde no marco das RAS, coordenado pela OPAS Brasil e Conass.

Assim como a versão original em português, o livro é uma contribuição do sanitarista para qualificar o debate sobre o papel da atenção primária no cuidado das condições crônicas. Dividido em oito capítulos, a publicação trata sobre a crise do Sistema Único de Saúde, a importância das Redes de Atenção à Saúde (RAS), descreve a evolução da atenção primária, traz evidências sobre o sucesso do Programa Saúde da Família (PSF) e ressalta a necessidade de avançar na implantação do manejo da condição crônica na atenção primária.

“O livro mostra que APS é muito complexa, mais complexa que atenção secundária e terciária. Essa complexidade exige uma nova forma de gestão. A proposta é criar a figura do gerente da APS com dedicação integral, com curso de gerência para a APS. A outra proposta é introduzir as tecnologias de gestão da clínica, especialmente, as diretrizes clínicas baseadas em evidência, a gestão da condição de saúde e a gestão de caso. Essa é um pouco a ideia do livro”, diz Eugênio Vilaça.

Acesse o livro e o resumo nos links abaixo:

Las condiciones crónicas en la Atención Primaria de la Salud: la necesidad imperiosa de consolidar la Estrategia de Salud de la Familia

Resumo Executivo

Esta gostando do conteúdo? Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram