APSREDES

Pintando ventres grávidos: Uma experiência de Vínculo, Empoderamento e Cuidado.

Tema do relato:
Assistência à Saúde na Linha de Cuidado Materno Infantil

Sua experiência está relacionada a que área:
Atenção em saúde

Instituição onde a experiência se desenvolve/desenvolveu (serviço/instituição)
Secretaria Municipal de Florianopolis - Centro de Saúde Armação/ Centro de Saúde Tapera

Autor(es) Principal
LAURA DENISE REBOA CASTILLO LACERDA
Autor(es)
Juliana Cipriano de Arma
Lucilene Gama Paes
Caren Della Mea da Fonseca
Elizimara Siqueira
Cilene Fernandes Soares
Tatiane Chimanko Bugs

Situação atual da experiência
Em estágio avançado de execução

Data de início da experiência
2013-03-10

A gestação é uma das experiências humanas mais complexas, abarcando múltiplas dimensões da vida da mulher e do desenvolvimento humano. Cada mulher a vive de maneira única e cada gestação possui características diferentes. Apesar deste caráter subjetivo, a gravidez também se caracteriza como evento social, que mobiliza as pessoas que convivem com a mulher, estendendo-se, assim, a toda a sociedade (ZAMPIERI, 1998). Novas tendências do parto humanizado apresentam práticas não observadas anteriormente no cuidado profissional com a mulher, apontando para a revalorização de atividades e cuidados antigos, considerados a partir de estudos baseados em evidências clínicas. Estas práticas objetivam promover a humanização, o acolhimento, o reconhecimento, a autoestima e o vínculo da gestante com o processo de gestar. A pintura de ventres grávidos é a união entre uma expressão artística e cultural com a gestação e está presente historicamente na cosmologia de muitos povos e etnias.Aqui no Brasil desde o ano 1993 foi difundida e realizada pela parteira mexicana Naoli Vinaver que a chama de”Ultrassom Natural”,que utiliza essa prática em seu processo de trabalho com objetivo de proporcionar conexão emocional entre os envolvidos no processo de gestar. Outra profissional que ajudou a difundir a prática de pintura em barrigas pelo mundo è a Parteira profissional norte americana Gail Tully, que além de ser autora do método spinning babies escreveu um livro onde oferece dicas para que gestantes interpretem os movimentos, forma e apresentação dos bebês ao longo da gravidez utilizando o método Belly Mapping e dicas de pintura em ventres grávidos. O acompanhamento pré-natal é uma importante ferramenta para o enfrentamento das dificuldades que marcam o processo de gestar. Fundamental para promover a troca de experiências, a compreensão das vivências, abrindo espaço para que a mulher expresse suas angústias e seus receios. A possibilidade de agregar técnicas que ampliam a visão mais natural do processo de gestar e proporcionam autoconhecimento à gestante são de suma importância para a qualidade do acompanhamento pré-natal.

Galeria

Apresentação