O coordenador geral de Atenção Domiciliar do Ministério da Saúde, Aristides Oliveira, faz um chamado para que profissionais de saúde participem do Laboratório de Inovação em Atenção Domiciliar enviando relatos das experiências. “Essa iniciativa vai permitir conhecer as experiências de Atenção Domiciliar no cotidiano e propiciar a troca de saberes entre o conjunto de trabalhadores e gestores do SUS como também ajudar o Ministério da Saúde a aperfeiçoar o programa, para que possamos apoiar cada vez mais os municípios”, explica Oliveira.

As inscrições vão até o dia 31 de março e podem participar práticas desenvolvidas no SUS sobre atenção domiciliar, por equipes de atenção básica, habilitadas ou não pelo programa Melhor em Casa, ou por outros pontos de atenção, como hospitais ou unidades de urgências, independente do porte do município. As inscrições devem ser feitas pelo e-mail labatencaodomiciliar@gmail.com.
Para a coordenadora do Laboratório, Maria Helena Brandão Oliveira, “esse trabalho identificará tecnologias inovadoras nas áreas do cuidado e da gestão, sinalizando para gestores e profissionais de saúde algumas soluções práticas para desafios comuns ocorridos na implantação ou no desenvolvimento do serviço”, espera. Um grupo de trabalho fará a seleção das experiências que participarão do Laboratório de Inovação e do Seminário Nacional de Atenção Domiciliar no SUS, a ser realizado em Brasília.

Assista ao vídeo:

Coordenador Aristides Oliveira chamando os profissionais de saúde a participar do Laboratório de Inovação.

Mais informações:

Roteiro de Inscrição 

Por Vanessa Borges, do Portal da Inovação em Saúde

Recommend to friends
  • gplus
  • pinterest