Conass e Opas definem eixos de atuação da cooperação entre as instituições
A direção do Conselho Nacional de Secretarias de Saúde (Conass) se reuniu na manhã desta quarta-feira (27), com coordenadores da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) para tratar da cooperação entre ambas instituições visando o  aprimoramento e fortalecimento da gestão estadual do SUS.

Para Mónica Padilha, coordenadora da Unidade Técnica de Recursos Humanos em Saúde da Opas/OMS, a expectativa é grande pois já existe um trabalho forte entre as instituições, mas é preciso reforça-lo com atividades e linhas estratégicas. “Os estados têm papel central frente às demandas cada vez maiores pela eficiência no cuidado da saúde da população e poder compartilhar experiências, conhecimentos e atuar integradamente com o Conass para criar sinergia no que fazemos é uma das nossas expectativas, além de reforçarmos as capacidades conjuntas e aprendermos com as experiências positivas que o país tem”, disse.

Foram selecionados três temas prioritários para a cooperação técnica neste ano de 2019, dentre nove temas pertinentes para a agenda das instituições, cujas as atividades serão definidas para os próximos anos.  O presidente do Conass, Leonardo Vilela, explicou que apesar da escolha dos temas prioritários nada impede a possibilidade de que outros sejam inseridos no decorrer do trabalho. “Escolhemos atuar nas áreas de cooperação internacional, gestão de unidades públicas de saúde e gestão do trabalho e da educação em saúde que são temas recorrentemente presentes nas assembleias do Conass”.

Também participou da reunião o coordenador da Unidade Técnica de Sistemas e Serviços da OPAS, Renato Tasca, os consultores da OPAS, Antônio Ribas e Fernando Leles, o secretário executivo do Conass, Jurandi Frutuoso, e os consultores técnicos do Conass, Haroldo Pontes e Fernando Cupertino.

 

Fonte – Assessoria de Comunicação do Conass 

Recommend to friends
  • gplus
  • pinterest