APSREDES

Resultado Preliminar
1.1 Título da experiência

IMPLANTAÇÃO DA ESTRATÉGIA AMAMENTA E ALIMENTA BRASIL COMO POTENCIALIZADORA E FORTALECEDORA DO ALEITAMENTO MATERNO EXCLUSIVO E ALIMENTAÇÃO COMPLEMENTAR SAUDÁVEL.

1.2 Autores(as) da experiência

Nome Cargo/Função Município
FRANCISCO VALDICÉLIO FERREIRA GERENTE DA CELULA DE VIGILANCIA ALIMENTAR E NUTRICIONAL Sobral

1.3 Organização(ções)/Instituição(ções) promotora(s) da experiência

Organização/Instituição
SECRETARIA DA SAUDE DE SOBRAL, COORDENAÇÃO DE VIGILANCIA A SAÚDE E VIGILANCIA ALIMENTAR E NUTRICIONAL.

1.4 Cidade(s) e Estado (s)

Estado Cidade
CEARÁ SOBRAL

1.5 Região do país

Nordeste

1.6 Identificação do(a) autor(a) responsável

Nome Cargo/Função Município
FRANCISCO VALDICÉLIO FERREIRA GERENTE DA CELULA DE VIGILANCIA ALIMENTAR E NUTRICIONAL Sobral-ce

1.7 Eixo temático da experiência

Eixo 1 - EAN no campo da Saúde

1.8 Público participante da experiência

Crianças - 0 a 2 anosGestantes/nutrizes

1.9 Onde esta experiência foi desenvolvida

saúde
Unidade Básica de Saúde
ASSISTÊNCIA SOCIAL
EDUCAÇÃO
SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL
OUTROS
1.10 Na avaliação do grupo responsável esta experiência atendeu e/ou promoveu os seguintes princípios
todas as pessoas têm o direito de ter acesso à alimentação adequada saudável
universalidade
integralidade
equidade
intersetorialidade
apoio ao desenvolvimento sustentável

Por favor justifique/comente sua resposta

Trabalhamos ações referente a alimentação complementar saudável para crianças menores de dois anos e sobre o aleitamento materno exclusivo e complementar ate os dois anos ou mais empoderando a gestante/mãe como protagonista neste processo, esclarecendo que a alimentação é um direito de todo o cidadão assim como o cumprimento dos princípios do SUS e o potencial que a intersetorialidade pode ajudar neste processo.

2. OBJETIVOS E PRINCÍPIOS RELACIONADOS À EXPERIÊNCIA

2.1 Objetivo(s): Qual é/foi a finalidade das atividades desenvolvidas

As atividades desenvolvidas tiveram como objetivos potencializar o aleitamento materno exclusivo e complementar até os dois anos e a inserção de uma alimentação complementar saudável como orienta o guia alimentar para crianças menores de dois anos de idade em ações realizadas em 100% (38) das unidades de saúde do município de Sobral no Ceará

2.2 Os objetivos e as atividades desenvolvidas adotaram de maneira explícita algum ou alguns dos princípios do Marco de Referência de Educação Alimentar e Nutricional para Políticas Públicas

I - Sustentabilidade social, ambiental e econômica
III- Valorização da cultura alimentar local e respeito à diversidade de opiniões e perspectivas, considerando a legitimidade dos saberes de diferentes naturezas
V- A Promoção do autocuidado e da autonomia
VI- A Educação enquanto processo permanente e gerador de autonomia e participação ativa e informada dos sujeitos
2.3 Quais temas/diretrizes dos Guias Alimentares para População Brasileira e/ou para Crianças brasileiras menores de 2 anos são/foram abordados na experiência?
Utilizamos em todas as ações o Guia Alimentar para Crianças Brasileiras menores de 2 anos, com ênfase nas temáticas, o leite materno o primeiro alimento e os doze passos para uma alimentação saudável com criação de cardápios nas fases de 06 meses, 07 e 08 meses e 09 e 11 meses e 01 e 02 anos de idade para discutirmos e alinhar a linguagem quanto a importância de uma orientação clara sobre a alimentação complementar para os pacientes.
2.4 Vocês consideram que esta experiência pode contribuir de maneira direta ou indireta a um ou mais dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável ?
ODS 3 - Assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades

3. ETAPAS DE DESENVOLVIMENTO DA EXPERIÊNCIA

3.1 Como foi identificada a necessidade de realização desta experiência
Identificamos a necessidade de implantar A Estratégia Nacional para Promoção do Aleitamento Materno e Alimentação Complementar no âmbito do SUS e assim fortalecer mediante ações realizadas a questão do aleitamento materno exclusivo e complementar assim como a inserção da alimentação saudável para crianças menores de dois anos de idade.
3.2 Foi realizado algum diagnóstico da situação (observação da realidade, levantamento de demandas junto ao público etc) antes de iniciar a experiência
Sim
descreva rapidamente
Realizamos levantamentos referente ao estado nutricional e consumo alimentar e adesão ao aleitamento materno exclusivo da população através do sistema Sisvan-web, a partir disso observamos a necessidade de intervenções para fortalecimento dessas ações no âmbito coletivo e em todo o município de Sobral-ce.
3.3 Como foram definidos as prioridades e objetivos da experiência
A prioridade foi trabalhar ações e treinar sobre a temática aleitamento materno e alimentação complementar saudável para todos os profissionais da Atenção Primária a Saúde no município de sobral e pactuar ações para serem realizadas no território com o publico alvo (crianças e gestantes).
3.4 Os sujeitos da ação participaram das etapas de planejamento da experiência?
Não
sim, em quais etapas e como participaram ?
NÃO
3.5 Foram desenvolvidas metodologias ativas como estratégias pedagógicas para a EAN
Sim
Se sim, indique a(s) metodologia(s) com uma breve descrição
Utilizamos Metodologias Ativas de Aprendizagem e participativa, no treinamento nas unidades de saúde, abordamos de forma introdutória a temática relacionada e após isso colocávamos em prática do cotidiano através de dramatizações e fazer fazendo e aprendendo.
3.6 Foram utilizados recursos materiais nas atividades desenvolvidas
Sim
sim, quais recursos?
Utilizamos o Guia alimentar para crianças menores de dois anos de idade, utilizamos materiais como cartazes, pincel, fita colante, boneca e seios didáticos para amamentação.
3.7 Sua experiência se configura no desenvolvimento de materiais educativos e desenvolvimento de tecnologias sociais a serem aplicados por outros profissionais?
não se aplica
Descreva sobre o material/tecnologia social
NÃO SE APLICA
3.8 Como a experiência foi avaliada e quais os resultados obtidos
A experiência foi avaliada por todos os participantes por formulários com perguntas qualitativas como? que bom; que pena; que tal. Obtivemos resultados positivos referente atualização de todos os profissionais quanto a importância da temática e estimulo a melhoria dos acompamnhamentos das gestantes e crianças.
3.9 Relevância: Na avaliação das/os responsáveis, essa experiência contribuiu para algum nível de mudança/melhoria da realidade alimentar e nutricional das pessoas envolvidas; e/ou gerou experiência/conhecimento que pode contribuir para a prática de EAN em outros momentos e realidades
Foram ações realizadas em 38 unidades de saúde para todos os profissionais, do porteiro ao médico, o intuito da realização dessas ações foi orientar quanto a importância de saber da importância do aleitamento materno como protetor de varias doenças e como conduzir a mãe e criança a adesão de uma alimentação complementar saudável e como orientar referente esta atemática.

4. RELATO RESUMIDO DA EXPERIÊNCIA

Relato resumido da experiência
Relato de experiência realizado na cidade de Sobral-CE em 38 (100%) das unidades de saúde. Realizamos a implementação da Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil objetivando além da melhoria nos índices de aleitamento materno exclusivo e melhor adesão a alimentação complementar saudável, a qualificação do processo de trabalho dos profissionais da atenção básica para o fortalecimento das ações de promoção, proteção e apoio ao aleitamento materno e a alimentação complementar para crianças menores de dois anos no âmbito da Atenção Primária a Saúde. Estas ações tiveram como objetivos específicos contribuir com a melhoria dos indicadores de aleitamento materno e alimentação complementar saudável; Incentivar a orientação alimentar como atividade de rotina nos serviços de saúde para os profissionais; orientar quanto o manejo na amamentação e seus determinantes; contemplar a formação de hábitos alimentares saudáveis na infância, com a introdução da alimentação complementar como orienta o Guia Alimentar para Crianças Menores de Dois anos; Respeitar a identidade cultural e alimentar da população atendida. Realizamos 38 ações de implementação referente a Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil com a participação de no mínimo 85% dos profissionais de saúde de cada unidade, todos os profissionais do médico ao porteiro tiveram a oportunidade atualização sobre a temática e de alinhamento sobre a importância de uma orientação clara e objetiva relacionada ao aleitamento materno exclusivo e a alimentação complementar saudável. Após essas ações realizadas pactuamos para que cada unidade de saúde realizasse no mínimo três ações com os usuários, público prioritário gestantes e crianças objetivando a melhor adesão ao aleitamento materno e alimentação complementar saudável, a partir disso cada unidade de saúde realizaram uma ação sobre o fortalecimento do aleitamento materno exclusivo com gestantes e uma ação referente a importância da alimentação complementar saudável com mães e crianças e o monitoramento do estado nutricional e consumo alimentar das crianças pelo sistema de vigilância alimentar e nutricional Sisvan-Web. Totalizamos o número de 38 ações referente a temática com os profissionais de saúde e 76 ações com os usuários gestantes e crianças. Estas ações fizeram com que os profissionais das unidades de saúde se atualizassem quanto a temática e que pudéssemos disseminar essas informações para o usuário do Sistema Único de Saúde visando a melhoria da qualidade de vida para ambos, criança e nutriz, temos como positivo o maior número de crianças acompanhadas, a efetividade do pré-natal e melhor adesão ao estimulo do aleitamento materno exclusivo e alimentação complementar saudável, ainda como resultado promissor foi a atualização profissional com todos os participantes, visamos continuar com estas ações e viabilizar a certificação municipal referente ao selo nacional do programa Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil.

5. DOCUMENTOS

5.1 Campo para inserção de arquivo de imagens que documentaram a experiência
Campo para inserção de arquivo de documentos produzidos relacionados à experiência